Ficção científica (

Star Trek: Como as duas novas séries se conectarão ?



 

O produtor executivo e supervisor Alex Kurtzman esclarece os planos para a franquia Star Trek.

Durante o evento da TCA Winter 2019 Press Tour , o produtor executivo e supervisor Alex Kurtzman falou sobre o novo universo de Jornada nas Estrelas e os planos da CBS com a nova série Star Trek Discovery e a nova série estrelada por Jean-Luc Picard, e com o subsequente retorno de Patrick Stewart no papel icônico, e o desenvolvimento de duas séries animadas.

Kurtzman queria esclarecer como tudo isso está se desenvolvendo e como eles se conectarão.

“Eles estarão idealmente conectados mais do que qualquer outra coisa. Para nós, neste momento, é importante que cada série seja um projeto em si, que não sejam uma fotocópia do outro. Em suma, cada série deve ter a propriedade de identidade. Certamente existem alguns elementos em comum, e o tom deve ser único, mas também respeitar o da franquia. Em um nível visual, eles serão diferentes um do outro “.

“Estamos trabalhando duro com a CBS para ter um roteiro que englobe os espectadores com muitas séries. Embora tenhamos anunciado todos esses projetos, o desenvolvimento requer pelo menos dois anos para cada série. Por exemplo, para efeitos especiais, leva cerca de oito meses por episódio … a idéia é ter a nova série pronta para ser alternada, uma termina a outra começa e assim por diante estabelecendo uma certa continuidade “.
Finalmente, o spin-off de Star Trek: Discovery, estrelado por Michelle Yeoh, deve estrear no final da terceira temporada do Discovery – que oficialmente ainda não foi renovado.
“Erika [Lippoldt] e Bo [Yeon Kim] estão escrevendo agora e estamos preparando o terreno para o enredo principal. Eles são excepcionais e, trabalhando também na equipe criativa do Discovery, estão fazendo um duplo turno substancialmente. O primeiro roteiro deve chegar dentro de alguns meses … depois da terceira temporada do Discovery, espero, este spin-off possa começar. ”
O que você acha dessa abordagem certamente diferente daquela dos universos compartilhados tão populares nos últimos anos?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate »
Powered by: Wordpress