Os Cinco Estilos Principais de Aikido

Os Cinco Estilos Principais de Aikido

A arte do Aikido foi desenvolvida por Morihei Ueshiba na primeira metade do século vinte, tanto como método de autodefesa quanto como forma de construir caráter e fibra moral em seus praticantes.

Na década de 1950, alguns dos melhores alunos de Aikido de Ueshiba foram responsáveis ​​pelo crescimento e disseminação da arte, e a maioria dos estilos praticados hoje podem traçar suas raízes neste período.

Os onze maiores mestres de kung fu da historia chinesa

Aikikai Aikido

A Escola de Aikido Aikikai Hombu é uma continuação direta da própria escola de Ueshiba, conhecida como Kobukan Dojo.

Nesse estilo, há menos ênfase no lado da luta da arte e mais foco no desenvolvimento de seus praticantes como membros bem formados e produtivos da sociedade. O sucesso inicial e a disseminação do Aikikai Aikido se deveu em grande parte a Koichi Tohei (foto acima), um estudante de Ueshiba que freqüentemente viajava para a América para ensinar lá. No entanto, quando Ueshiba morreu em 1969, seu terceiro filho, Kisshomaru, tornou-se o Doshu (líder do caminho), levando Tohei a abandonar o estilo alguns anos depois.

Kisshomaru Ueshiba é creditado por implementar protocolos administrativos e por agilizar e simplificar o currículo, o que ajudou o número de alunos que praticam o estilo a crescer de forma constante nas décadas após sua nomeação.

Shinshin Toitsu Aikido
Koichi Tohei deixou o estilo Aikikai em 1974, aposentando-se como Instrutor Chefe devido a diferenças filosóficas entre ele e Kisshomaru Ueshiba. No mesmo ano, ele estabeleceu o estilo Shinshin Toitsu, que dá ênfase ao uso da energia interna, tanto que é frequentemente referido como a Sociedade Ki.

Além de ensinar o uso do Ki nas técnicas de luta, Shinshin Toitsu também incorporou técnicas de cura por energia interna em seu currículo através do Kiatsuho, que ele fundou em 1980. Tohei aposentou-se do ensino em 2007, sendo sucedido por seu filho Shinichi Tohei como chefe da a organização que continuou a ensinar e divulgar o estilo de seu pai em todo o mundo.

 

 

Os Grandes Mestres do Karate

Yoshinkan Aikido

Yoshinkan Aikido é considerado o segundo maior dos estilos depois do Aikikai. Foi fundado por Gozo Shioda no início dos anos 1950 e é conhecido por seu uso frequente de técnicas semelhantes ao jujitsu, que são usadas para subjugar possíveis atacantes. Yoshinkan é uma arte não competitiva que dá grande ênfase aos movimentos básicos e a uma filosofia de cooperação e respeito por toda a vida humana. Para divulgar sua versão da arte, Shioda escreveu vários livros sobre o assunto e ocasionalmente viajava para o exterior para ensinar alunos no Ocidente.

A Federação Internacional de Aikido Yoshinkan (IYAF) foi fundada por Shioda em 1990 para promover o desenvolvimento do estilo em todo o mundo e um ano depois, ele criou um curso intensivo de instrutor internacional de onze meses para ajudar a manter os altos padrões esperados enquanto o aikido Yoshinkan crescia. Após a morte de Gozo Shioda em 1994, seu filho mais velho, Tetsutoro, assumiu seu cargo e hoje existem mais de noventa escolas no Japão, com Yoshinkan Aikido também sendo ensinado à tropa de choque em Tóquio.

Arte Marcial – A Morte do mestre Ip Ching

Tomiki Aikido

Este estilo de aikido foi fundado por Kenji Tomiki, um especialista em judô e um dos melhores alunos de seu fundador, Jigoro Kano. Em 1926, Morihei Ueshiba se encontrou com Kano para demonstrar sua nova arte e o mestre de judô ficou tão impressionado que o incentivou a aceitar Tomiki como aluno. Sua filosofia nas artes marciais foi, como resultado, fortemente influenciada por Ueshiba e Kano, então não surpreendentemente seu estilo tenta misturar a competitividade do judô com a serenidade espiritual do aikido.

Com base em seu conhecimento, ele desenvolveu uma série de técnicas que permitiram que o aikido fosse praticado como um esporte com competição aberta para permitir que seus alunos tivessem uma forma objetiva de medir seu desenvolvimento. Essa abordagem da arte marcial foi amplamente rejeitada pelas outras escolas de Aikido, pois ia contra alguns dos ensinamentos de Ueshiba, no entanto, a escola Tomiki continuou a crescer e competições internacionais dentro da arte agora são realizadas em todo o mundo.

Yoseikan Aikido

Yoseikan budo foi estabelecido por Minoru Mochizuki (foto abaixo) em 1931 que, como Kenji Tomiki, foi um dos primeiros alunos de Morihei Ueshiba e Jigoro Kano. Ele também era um especialista em técnicas de espada Katori Shinto-ryu e caratê, e desenvolveu seu estilo selecionando os melhores elementos das artes que havia estudado, pois acreditava que um bom lutador deveria aprender várias disciplinas para ser capaz de lidar com qualquer tipo de ataque .

Acredita-se que Mochizuki tenha sido a primeira pessoa a ensinar Aikido fora do Japão quando passou dois anos na França desde 1951 ensinando judô e Aikido. Em 1957 ele enviou seu filho Hiroo Shihan para continuar seu trabalho na França onde o estilo ainda hoje tem muitos seguidores, além de ser praticado em muitos outros países em todo o mundo.

Fonte: https://tomiki.org/tomiki-aikido/history [Acessado em 18/07/2020].